PORTUGUES Alimento RAZA | Posse responsável
A posse responsável de animais envolve pensar em uma vida em que devemos proteger, alimentar e cuidar todos os dias. Ver os nossos conselhos.
13822
page,page-id-13822,page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,ajax_updown,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.3.2,vc_responsive
 

Donos Responsáveis

Ter um animal de estimação é uma grande decisão. É preciso ser consciente de tudo o que isso implica.

É pensar em uma vida que você terá que proteger, alimentar e cuidar todos os dias. Temos que estar preparados para educá-los, para que ele nos respeite e nos adote também como seu dono.

É preciso adaptar o espaço para que nosso animal divida a casa conosco, fazendo as modificações necessárias para sua segurança e conforto.

O cuidado do animal inclui dedicar tempo para lhe dar atenção, que pode ser maior ou menor, mas com a intensidade e o comprometimento necessários.

Deve-se prever a possibilidade de passeios, exercícios e brincadeiras necessários para que os animais, que não são naturalmente sedentários, possam gastar energia.

Deve-se conhecer o tipo de alimento, os horários e a quantidade que o animal precisa de acordo com sua idade, tamanho e quantidade e gasto de energia.

É imprescindível levar o animal ao veterinário regularmente. Deve-se estar atento aos sinais ou mudanças de comportamento, que podem indicar que algo não está bem.

É preciso proteger o animal do mau tempo e das temperaturas extremas, mantendo-o fresco no calor, para não sofrer desidratação, e agasalhando-o no inverno, para não ficar doente.

Além de alimentar e proteger o animal, é importante demonstrar carinho, como afagos e proximidade, para que ele sinta que é amado.

O dono é responsável pelo seu animal. Deve estar disposto a responder por qualquer ação dele para com outras pessoas, outros animais, o ambiente ou caso trabalhe para ajuda humanitária.

Ao sair de férias, é preciso pensar bem o que se fará com o animal, levando-o na viagem ou procurando um lugar onde possam cuidar dele na ausência do dono.